noticia_18012018001

A Previdência Portuguesa entregou hoje, dia 18, o donativo angariado, no magusto solidário, à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Brasfemes.

“Os Bombeiros Voluntários de Brasfemes, à semelhança de outras instituições, desenvolvem uma atividade muito meritória e nós sabemos que os apoios nunca são suficientes para suportar os encargos”, declarou Martins Oliveira, Presidente do Conselho de Administração d´A Previdência Portuguesa.

Com este tipo de iniciativa, A Previdência Portuguesa procura, por um lado, apoiar financeiramente as instituições de índole social e, por outro, contribuir para a divulgação do trabalho desenvolvido na comunidade. “A Previdência Portuguesa tem 89 anos, pelo que esta é também uma forma de nos mantermos atualizados e contribuirmos para o bem da sociedade”, acrescentou Martins Oliveira, comentando que a Associação Mutualista tem por missão “contribuir para a defesa dos nossos associados e das respetivas famílias, não só através de diversos serviços mas também através de produtos financeiros, que são uma mais-valia para os nossos associados”.

Martins Oliveira referiu ainda que A Previdência Portuguesa organiza iniciativas solidárias desde 2012, tendo já atribuído donativos às mais diversas instituições da cidade.

Acácio Monteiro, Comandante da Corporação, agradeceu o donativo e afirmou-se extremamente agradado com o “reconfortável” ato de generosidade da Associação Mutualista. “O nosso trabalho no dia-a-dia é dedicado às pessoas, sendo que no Inverno tem menos visibilidade”, comentou Acácio Monteiro, notando que a ação dos Bombeiros Voluntários de Brasfemes é extensível a todo o município de Coimbra.

“São estes pequenos gestos que nos vão dando alento e alegria para continuar a fazer este trabalho, que não é fácil”, disse, por sua vez, Gonçalo Batista dos Santos, Presidente da Direção dos Bombeiros, manifestando a total disponibilidade da Corporação para colaborar com A Previdência Portuguesa.

A Associação Humanitária tem inoperacional, desde o Verão passado, uma viatura de combate aos incêndios, que ainda se encontra em reparação.